Como investir em campanhas de marketing político para dispositivos móveis

Marketing Político
Saiba por que produzir conteúdo é uma boa estratégia de marketing político!
setembro 13, 2015
Publicidade Online
Anúncios pagos em redes sociais: vale a pena investir?
setembro 27, 2015

Campanhas de marketing político podem ser tão envolventes quanto aquelas campanhas publicitárias que ganham prêmios, basta você colocar a criatividade para funcionar e aproveitar os recursos que o marketing digital proporciona, como é o caso do mobile marketing.

Uma ferramenta pra lá de interativa, que facilita o contato com os eleitores e estimula uma experiência única para cada usuário, o marketing para dispositivos móveis cresce a olhos vistos e pode se tornar o principal canal de comunicação entre o candidato ou político e seus eleitores. Aprenda agora como investir em campanhas de marketing político para dispositivos móveis e comece a alavancar a reputação do seu candidato agora mesmo!

Tenha um site responsivo

A primeira medida a ser tomada para investir em campanhas de marketing político para dispositivos móveis é ter um site responsivo, ou seja, que se adapte a qualquer tamanho de tela. Com um site responsivo, não importa se o eleitor acessa o site no smartphone, no desktop ou no tablet, a experiência de navegação será sempre boa.

Use o SMS marketing

Outra possibilidade para interagir com os eleitores é o SMS marketing, uma ferramenta bastante acessível do ponto de vista financeiro e que gera bastante envolvimento por parte dos usuários de dispositivos móveis. Segundo infográfico da IBM, 98% dos SMS são abertos em até 90 segundos, o que significa que este é um canal certeiro de comunicação entre candidato e sociedade.

Tire proveito do bluetooth marketing

Além do SMS, você também pode criar campanhas de marketing político utilizando o bluetooth marketing, uma estratégia que consiste em enviar mensagens por bluetooth para usuários mobile que passam por determinada região. Por exemplo, se o candidato tem um evento marcado e quer atrair a atenção dos eleitores que estão na região, é possível disparar uma mensagem por bluetooth e ver a quantidade de pessoas que vão se envolver logo de cara com esta iniciativa.

Não esqueça do e-mail marketing

De acordo com o infográfico da IBM que mencionamos anteriormente, 51% dos e-mails são lidos em dispositivos mobile. Ou seja, se o e-mail que o político manda para sua base de eleitores não é responsivo, ele deixa de atingir com eficácia mais de 50% das pessoas, perdendo a oportunidade de fazer-se presente na vida de seus eleitores.

Lembre-se das redes sociais

De acordo com a pesquisa We are Social, o Brasil possui mais de 96 milhões de contas ativas em redes sociais, sendo que 25% dos acessos são destinados ao Facebook. Na sequência, temos WhatsApp com 24%, Facebook Messenger com 22%, Skype 14% e Google Talk com 13%. Todas essas plataformas são usadas em dispositivos mobile, portanto, desenvolver estratégias de relacionamento e interação por meio destes canais é fundamental para criar uma presença positiva do candidato junto a seus eleitores. Para saber como usar as redes sociais no marketing político, acesse este post.

Invista nos aplicativos mobile para alavancar suas campanhas de marketing político

Se for possível incrementar as campanhas de marketing político para dispositivos móveis com um aplicativo, melhor. A pesquisa da IBM revelou que 40% dos usuários de dispositivos móveis valorizam apps para interações importantes, ou seja, se o político ou candidato quer mesmo que as pessoas estejam próximas a ele, esta é uma estratégia que não pode ficar de fora.

Dados da Anatel revelam que o número de linhas móveis ativas no país já ultrapassa os 280 milhões, o que representa quase um celular e meio por pessoa, sem contar os tablets, notebooks, iPads, entre outros. E você, vai perder essas 280 milhões de chances de alavancar suas campanhas de marketing político?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *